2020-11-09

Luísa Castel-Branco estreia-se na Contraponto, com "Quando Eu era Pequenina"

Nas livrarias a 20 de novembro, esta obra íntima e corajosa dá início a uma trilogia sobre infância e memórias, amor e filhos, envelhecimento e morte.

Partilhar:

A 20 de novembro, dá-se a entrada de Luísa Castel-Branco para o catálogo da Contraponto, com a publicação de Quando Eu era Pequenina – Pensamentos e Emoções Sobre a Infância e a Memória, uma encantatória viagem à Lisboa de antigamente e ao Portugal da nossa meninice, mas também um livro verdadeiro e corajoso, delicado e afetuoso. Com este livro de memórias, Luísa Castel-Branco e a Contraponto inauguram uma trilogia de cariz íntimo e pessoal dedicada à infância e às memórias, ao amor e aos filhos, e ao envelhecimento e à morte.


Para os próximos dois anos, ficam prometidos O Amor é uma Invenção dos Pobres – Pensamentos e Emoções Sobre o Amor e os Filhos e Agora Que Falta Tão Pouco – Pensamentos e Emoções sobre o Envelhecimento e a Morte.

Este site utiliza cookies para lhe proporcionar uma melhor experiência de navegação. Ao navegar estará a consentir a sua utilização. Saiba mais sobre a nossa política de privacidade. Tomei conhecimento e não desejo visualizar esta informação novamente.

OK